Próteses Dentárias

Prótese Dentária em Curitiba

Prótese dentária em Curitiba, Prótese de porcelana em Curitiba, Prótese para dente em Curitiba

Quando uma pessoa perde um ou mais dentes, é possível a reposição destes através das Próteses Dentárias que têm a função de substituí-los. É importante lembrar que estamos falando, aqui, de questões não somente estéticas, mas também funcionais pois perdem-se as habilidades de mastigação e muitas vezes afeta a fala.

E para repor os dentes existem várias formas, desde as mais simples como as próteses móveis, que podem ser retiradas até as fixas, que são colocadas acima de raízes de dentes implantados ( implantes dentários). Elas podem também ser próteses únicas ( um dente) e até totais, substituindo os dentes da arcada superior ou inferior.

Para saber o grau da perda e as condições de saúde bucal é preciso agendar uma consulta com o  Dr. Diego Guerra, aqui na Ecoville  em Curitiba, que  lhe indicará a solução mais adequada para o seu caso.

Aqui, você poderá ler mais sobre Lentes de Contato dental!

Veja abaixo os tipos de próteses dentárias:

CONFIRA ABAIXO OS TIPOS DE PRÓTESES

Prótese fixa adesiva em CuritibaAs próteses parciais fixas adesivas são uma alternativa viável para  quem perdeu um e até dois dentes.
Dispensam tratamento de canal, no entanto não resistem a esforços extremos de mastigação, mas adaptam-se muito bem, em particular aos dentes anteriores.

Prótese parcial fixa em CuritibaConfeccionadas em porcelana, são indicadas em casos de perda de um ou mais dentes. Este tipo de prótese é confeccionado em algumas seções e normalmente é feito de uma estrutura metálica coberta por porcelana, também chamada de prótese metalo-cerâmica. Também podem ser confeccionadas em sua estrutura em zircônia e revestidas em porcelana, sendo assim classificadas como metal free.

Prótese dentária fixa em CuritibaPopularmente conhecida como “coroa” ou “ponte”, esse tipo de prótese pode ser unitária quando um dente, por exemplo, é destruído pelo agravamento de uma cárie. 
Podem ser confeccionadas em porcelana(metal free) ou revestidas internamente por metal (metalo cerâmicas), e podem ou não ser suportadas por um pino(núcleo), dependendo do grau de comprometimento da estrutura dental remanescente.
Prótese fica removível em CuritibaA PPR flex normalmente é feita de um material chamado poliamida. Este material é injetado e dispensa metais e grampos metálicos. A Indicação segue praticamente a mesma das próteses removíveis.
As vantagens são: flexibilidade, estética, conforto e resistência. Como o material é mais leve e flexível, ele permite melhor adaptação entre prótese e mucosa gengival.

Prótese de porcelana em CuritibaA indicação deste tratamento é para dentes com grandes, médias e pequenas destruição, seja por cárie ou fratura. O material utilizado é porcelana.
Dentes com pequena,média e grandes destruição, restringidas ao sulcos dentais, perda de uma ou mais cúspides ou perda de todas as cúspides.
No consultório o dente é preparado, processo onde são removidos a cárie e áreas de retenção, depois é feita a moldagem dos dentes. A execução das peças de porcelana são feitas em laboratório. Após finalizadas, as peças são cimentadas nos dentes.

Prótese total em Curitiba, Dentadura em CuritibaEste tipo de prótese é feito de resina acrílica, e sua confecção é bem detalhista e seguem várias etapas.

A vantagem deste tratamento é devolver função, estética e mastigação. A grande desvantagem é a retenção da prótese inferior. Isto ocorre porque ao longo da vida vamos perdendo osso na mandíbula, diminuindo assim, a área de retenção da prótese.

Prótese dentária removível em CuritibaA PPR apresenta uma estrutura metálica com presença de grampos, responsáveis pela retenção nos dentes remanescentes. A grande vantagem desta prótese é promover estabilidade na hora da mastigação e proteger os dentes.A maior desvantagem é a estética, porque em muitos casos os grampos e a estrutura metálica ficam aparentes. Outro ponto é que este tipo de prótese requer um tempo de adaptação do paciente, principalmente para aqueles que nunca usaram prótese.

A alternativa seria a PPR flex, anteriormente citada! Saiba mais!